Carregando...

IMG_8243-1280x853.jpg

user13 de janeiro de 2020
Represa de Jurumirim, Avaré – SP / Crédito da foto: Cássia Sierra Fagundes

Enquanto a Represa de Jurumirim recupera aos poucos a sua capacidade, o reservatório da Hidrelétrica de Chavantes, localizada na divisa do Estado de São Paulo e Paraná, acumula um volume de água de apenas 13,85%. O local, que recentemente adotou o título de Angra Doce, por sua potencialidade turística, tem sofrido com o baixo volume de água no local. Na região, são oito resorts e centenas de casas de veraneio e pousadas. Com a medida adotada, as autoridades esperam estabilizar o reservatório pelo menos 33% do volume de água.

A Hidrelétrica de Chavantes fica entre os municípios de Chavantes (SP) e Ribeirão Claro (PR) e tem a capacidade instalada de 414 MW. Localizada no médio Paranapanema, o reservatório tem a capacidade de armazenar 3,04 trilhões de litros. Para reduzir o problema da baixa da água, o ONS – Operador Nacional do Sistema Elétrico anunciou o aumento da vazão mínima da Hidrelétrica de Jurumirim, que tem a Estância Turística de Avaré como cidade referência. Atualmente o reservatória de Jurumirim está com volume útil de quase 32%.

Com a autorização da vazão, o setor turística do município teme ser novamente prejudicado com a seca , principalmente com a proximidade do Carnaval, ocasião que tradicionalmente atrai milhares de turistas em busca de diversão nas praias de água doce.

Na tentativa de minimizar o problema, novamente foi instalado uma sala de gerenciamento de crise do Rio Paranapanema, que conta com representantes de vários órgãos governamentais.

Fonte: Com Informações de Jornal Interativa


Secretaria-Turismo-02.jpg

user7 de janeiro de 2020
Represa de Jurumirim, prática de esportes náuticos / Foto: Arquivo Sectur Avaré

O ano de 2020 promete mais dias de descanso do que 2019. Dos 12 feriados nacionais, 11 caem em dias de semana e dez podem ser emendados com sábados e domingos. A lista não inclui os feriados estaduais e feriados municipais.

As exceções aos feriados colados ao fim de semana são 1º de janeiro (Confraternização Universal), caindo em uma quarta-feira; 21 de abril (Tiradentes), que será em uma terça-feira e o Corpus Christi (11 de junho), que sempre cai às quintas-feiras 60 dias após a Páscoa.

Páscoa e carnaval são feriados alongados em todos anos. A Paixão de Cristo (sexta-feira) será no dia 10 de abril. A segunda-feira e a terça-feira de carnaval cairão nos dias 24 e 25 de fevereiro, respectivamente.

Além desses dias, os brasileiros poderão emendar com o fim de semana o Dia do Trabalho (1º de maio) que cai numa sexta-feira, assim como o Natal (25 de dezembro).

Para quem não gosta das segundas-feiras, a boa notícia é que os feriados da Independência do Brasil (7 de setembro), de Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro) e de finados (2 de novembro) cairão nesse dia da semana.

Com tanto feriado, há quem preveja perdas econômicas. “O varejo nacional deve deixar de faturar R$ 11,8 bilhões em 2020 por causa de feriados nacionais e pontes ao longo do ano. O total é 53% maior do que a perda prevista para 2019, de R$ 7,6 bilhões”, calcula a Federação do Comércio de São Paulo.

QUEM COMEMORA

Outros setores de atividade econômica festejam como é o caso do Turismo. “No ano passado, os feriados prolongados resultaram em 13,9 milhões de viagens, que injetaram R$ 28,84 bilhões na economia brasileira”, soma o Ministério do Turismo (MTur).

Segundo a pasta. “o feriado de [1º de] maio movimentou [em 2019] R$ 9 bilhões na economia e resultou em 4,5 milhões de viagens. Já o 12 de outubro foi um dos mais movimentados do ano com a realização de 3,24 milhões de viagens domésticas e impacto econômico de R$ 6,7 bilhões nos destinos visitados”. O MTur ainda não fez projeção do impacto dos feriados de 2020 em venda de passagens, hospedagens e passeios.

Fonte: Agência Brasil


images.jpg

user7 de janeiro de 2020
Governador Dória no lançamento da Cartilha / Crédito da foto: turismo.sp.gov.br
As Secretarias de Turismo e de Justiça e Cidadania, por meio da Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-SP), lançaram uma cartilha inédita com orientações para quem visita São Paulo a lazer ou negócios.
O Governador João Doria esteve na sede do Procon-SP para o lançamento. “Hoje lançamos uma cartilha para o turista brasileiro ou estrangeiro. Este ano, o setor do turismo cresceu 8% no estado de São Paulo. A cartilha está bem elaborada, completa e em versão digital, permitindo correções ou acréscimos ao longo do período”, declarou o Governador.
A cartilha foi dividida em oito tópicos: Transportes, incluindo locação de veículos, Hospedagem, Lazer, que inclui gastronomia e cultura, Compras, Direitos de pessoas com mais de 60 anos, Lei antifumo e Antiálcool, Dicas de Segurança e Telefones Úteis. A iniciativa é mais uma das ações que integram o programa ‘São Paulo Pra Todos’, lançado no início do ano pela pasta de Turismo. “A maior demanda de turistas aumentará a nossa responsabilidade em bem receber a todos”, diz Vinicius Lummertz, secretário estadual de Turismo.
Para Vinicius Lummertz, a expectativa é que, apenas por via aérea, os três principais aeroportos do Estado tenham movimento recorde de 75 milhões de passageiros em 2019 – entre moradores e visitantes. “Temos, contudo, um espectro muito mais amplo desse consumidor-turista, que chega ao nosso Estado por ônibus, ou mesmo viaja regularmente com veículo próprio, e deve ter ciência de seus direitos. Esse cuidado faz com que o nosso produto turístico ganhe em qualidade”, afirma o secretário.
No turismo doméstico, São Paulo é o principal destino dentre os 26 estados, além de porta de entrada de um terço dos viajantes estrangeiros – 2,2 milhões em 2018. O setor é responsável por 10% do PIB paulista. “Há espaço para crescer mais e o Governo do Estado está fazendo sua parte. Após quase um ano de gestão, nosso diagnóstico é de que teremos muito mais resultados se fizermos políticas integradas, como esta cartilha que estamos lançando agora em parceria com o Procon”, diz Lummertz.
São Paulo Pra Todos
Lançado em fevereiro deste ano, o programa ‘São Paulo Pra Todos’ diminuiu a alíquota do ICMS sobre o querosene de aviação de 25% para 12%. Em contrapartida à redução do imposto, as companhias aéreas criaram 605 novas frequências semanais distribuídas por várias cidades do Estado. “Os turistas e os moradores passarão a contar com melhor infraestrutura e transporte aéreo de qualidade, o que contribuirá para o aquecimento da economia local”, diz Lummertz.
Para 2020, está prevista a privatização de 21 aeroportos regionais que, com serviços aéreos em operação, se tornarão mais atrativos, potencializando o círculo de desenvolvimento.
Além disso, seguindo um modelo bem-sucedido em países como Portugal, a gestão implementou com as companhias aéreas um programa de stopover. O serviço permite que passageiros com conexão nos principais aeroportos paulistas possam ficar em São Paulo por alguns dias, sem custo adicional no valor da passagem. “Também lançamos neste ano nossa campanha publicitária, com grande destaque para as inúmeras belezas do Estado. É a cristalização de uma série de mudanças pelas quais o turismo do Estado de São Paulo passa de forma inédita”, afirma o secretário.
Para o secretário, os bons números do turismo paulista estimulam a continuidade das ações. No primeiro semestre deste ano, as atividades turísticas cresceram 7,7% no Estado segundo o IBGE. Apenas em setembro, crescimento foi de mais de 10% em comparação a agosto.

Para conhecer e baixar a Cartilha, acesse: Cartilha Consumidor Turista

Fonte: www.turismo.sp.gov.br


68751381_2722978061056291_7666140427174543360_o-1280x720.jpg

user3 de janeiro de 2020
Balneário Costa Azul – Avaré / Foto: Fernando Alonso

As festas de fim de ano movimentaram o setor hoteleiro da região de Avaré (SP), que recebe turistas de diversas regiões do estado na Represa de Jurumirim, principal cartão postal da cidade.

Um hotel da cidade tem capacidade para receber 200 hóspedes e, durante a temporada, a lotação foi total.

Parte dos turistas é da capital ou cidades da região metropolitana de São Paulo (SP). É o caso do empresário Evandro Luis Mosca, que decidiu passar o feriado prolongado na região de Avaré.

“A gente buscou a natureza, bem estar com o verde, represa, e isso nos traz tranquilidade para buscar uma reenergização para 2020.”

“Avaré não é distante de São Paulo, tem natureza exuberante, bom atendimento, rede hoteleira interessante e acessibilidade”, afirma a empresária Daniela Budoya, que também se hospedou na região.

Na temporada, o turismo movimentou o setor hoteleiro da cidade, que teve procura 70% maior que em outras épocas do ano.

Para dar conta da demanda, os hotéis também aumentaram o número de contratações.

“Nós temos 25 funcionários em tempos normais e agora esse número aumentou principalmente na área de restaurante e governança”, afirma a gerente de hotel Sandra Scarcelli.

Já os empresários do setor estão empolgados com a chegada de 2020 e esperam grande movimentação nos hoteis. “Este ano tem um calendário interessante para a hotelaria com feriados prolongados.”

Fonte: www.g1.com.br/itapetininga 


dj.jpg

user27 de novembro de 2019
Confira a programação de shows da 51ª Exposição Municipal Agropecuária de Avaré, popularmente conhecida como Emapa. Além das atrações musicais, a feira agropecuária seguirá uma agenda de exposições de animais e leilões. O evento acontece no Parque de Exposições Dr. Fernando Cruz Pimentel a partir de 29 de novembro de 2019:
IMAGEM: DIVULGAÇÃO

Neste ano a Emapa, disponibilizará espaços inclusivos para pessoas com deficiência durante os shows. Instalado ao lado do camarote, o local apresenta acessibilidade e ampla visão dos rodeios e shows e tenda para abrigo em caso de chuva. Os organizadores informam que há também estacionamento exclusivo com acesso ao espaço reservado, bem como banheiros adaptados próximos ao local e em outros pontos do Parque “Fernando Cruz Pimentel”.

A entrada só será permitida a pessoas comprovadamente com deficiência (quando não visível apresentar carteira de identificação e/ou laudo) e um acompanhante. Outras informações podem ser obtidas na SMDPD, que atende na Rua Ceará, nº 1393. O telefone é o (14) 3732-8844.

IMAGEM: DIVULGAÇÃO

75429616_2994655247340044_4508572344800772096_o-1280x720.jpg

user21 de novembro de 2019
Coletiva 2019 Casa das Rosas / Crédito da foto: Sebastião Xavier de Lima

O espaço cultural Casa das Rosas reabriu suas portas para avareenses e visitantes prestigiarem obras de arte produzidas por artistas bastante conhecidos da cidade. Estão em exposição trabalhos dos artistas Cândida Botelho, Djanira, Edu Cardoso, Iza Perez, J. Grassi, Luiz H. Castanheira, Maria Diva Tardivo, Rosane Gauss, Rubens Prata, Sebastião Lima e Waldir Bronson.

Coletiva 2019 Casa das Rosas / Crédito da foto: Sebastião Xavier de Lima
As obras poderão ser vistas de 15 a 30 de novembro, de segunda-feira a sexta-feira, das 15h às 19h, e aos sábados das 14h às 17h. A Casa das Rosas fica na Rua Goiás nº 1656 (ao lado da Escola Matilde Vieira) .Mais informações pelo telefone (14) 3733-1225.

IMG-20190910-WA0095.jpg

user20 de novembro de 2019
Sede da APAE Avaré / Crédito da foto: Internet

Para inúmeras pessoas a realização da Feira das Nações poderá ser uma grande oportunidade de participar de um evento filantrópico cheio de atrações. No entanto para muitos, a simples menção ao nome do evento significa nostalgia. O evento que marcou época na cidade em 22 edições, retorna após 14 anos de inatividade.

A 23ª Feira das Nações será realizada nos dias 22, 23 e 24 de novembro na sede da APAE em Avaré, com entrada franca. Contará com 12 barracas de alimentação, representando as comidas típicas dos seguintes nacionalidades: inglesa, americana, italiana, suíça, francesa, portuguesa, havaiana, espanhola, holandesa, áreabe, grega e alemã. Além das quitutes, o público presente poderá acompanhar danças folclóricas, apresentações musicais, parque infantil, exposição de carros, entre outras atrações.

O evento mobilizará cerca de 70 voluntários e sua estrutura será preparada para receber cerca de 5 mil pessoas por dia. A organização informa que a feira conta com estacionamento gratuito. Toda a arrecadação do evento será destinado à APAE de Avaré.

Confira a programação:

Dia 22
19h – Abertura oficial do evento com apresentação do Coral Municipal de Avaré
20h – Dança grupo folclórico da Holambra
21h –  Dança Árabe (Tenda do Tuareg) / Apresentações à noite na Barraca Havaiana (Rancheros e DJ)

Dia 23
11h – Abertura
12h –  Dança grupo folclórico da Holambra
16h –  Dança Alunos da APAE
18h –  Dança Espanhola
19h –  Dança Árabe (Tenda do Tuareg)
19h – Sapateado (Escola de Dança Alicita Toledo)
20h – Show de Rock (barraca Americana) / Apresentações à noite na Barraca Havaiana (Balada Flash Back, DJ Paulinho Mac Som e DJ)

Dia 24
11h – Abertura
14h – Show de Kryzz Rockyfeller / Apresentações à noite na Barraca Havaiana (Domingueira com DJs Vitor Hugo, Du Trevisan e DJ convidado)


2247.jpg

user4 de novembro de 2019
Imagem: Divulgação
Para aumentar os investimentos na infraestrutura das cidades do interior, a Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, em iniciativa inédita, apresentou para os deputados estaduais, nesta quarta-feira, a cartilha de Sugestões para Emendas Parlamentares.
O documento, preparado pela equipe técnica da Secretaria, reúne uma série de ações e orientações para melhoria do turismo paulista. O secretário Vinicius Lummertz esteve reunido com os deputados, para apresentar as sugestões.
São 35 tópicos divididos em sete grupos, como “articulação e ordenamento”, “projetos de infraestrutura “, “marketing no mercado nacional” e “qualificação “. O documento orienta também sobre as condições para que os municípios sejam elegíveis ao recebimento do benefício.
“Hoje, São Paulo tem 70 Estâncias Turísticas, 140 Municípios de Interesse Turístico e mais de 400 municípios inseridos nas regiões turísticas do Mapa do Turismo Brasileiro, o que mostra o grande potencial deste segmento. São cidades com alta capacidade de receber visitantes e que têm sua economia movimentada por essa atividade”, diz Lummertz.
De acordo com o secretário, o Governo de São Paulo passou a ter uma gestão da atividade turística focada no planejamento de suas ações com objetivo de manter, incrementar e aumentar o fluxo turístico em todo o Estado.

Acesse o link para o download da Cartilha: http://bit.ly/Cartilha_Emendas

Fonte: Secretaria Estadual de Turismo

14_10_19_gestordeturismo.png

user15 de outubro de 2019
Represa de Jurumirim – Estância Turística de Avaré / Crédito da foto: Cássia S. Fagundes

O Ministério do Turismo está com inscrições abertas para o curso “Gestor de Turismo” por meio da Plataforma de Engajamento e Aprendizagem – PEA. A formação profissional gratuita e online, promovida pelo MTur desde 2018, foi atualizada e tem como público-alvo maiores de 18 anos, preferencialmente gestores públicos e privados de qualquer atividade relacionada ao setor de turismo.

A formação de 50h é dividida em 35 unidades e abrange os seguintes temas: planejamento; elaboração de projetos; legislação sobre turismo e contratações; programas e ações do MTur. O aluno terá acesso às vídeo-aulas e atividades por meio de qualquer dispositivo com acesso à internet, como smartphone, tablet ou computador.

As inscrições podem ser feitas até o dia 3 de maio de 2020 e o prazo para concluir o curso é até o dia 6 de julho de 2020. O próprio aluno emite o certificado de curso profissionalizante pela plataforma do Canal Gestor de Turismo. Clique aqui para se inscrever.

Neuza Santos, coordenadora-geral de Qualificação do Turismo, afirma que a revisão feita não anula a edição anterior. “Revisamos apenas alguns tópicos para trazer pontos mais atuais à capacitação, portanto, a certificação emitida no ano passado continua valendo”, afirma Santos. A coordenadora ressalta que os alunos podem refazer o curso para se atualizarem e lembra, ainda, que aqueles que não concluíram as aulas na edição de 2018 podem retomá-las de onde pararam.

No ano passado, 9.794 pessoas se inscreveram, entre brasileiros dos 27 estados e estrangeiros de 17 países. São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais foram os maiores emissores nacionais de inscrições. Por outro lado, Argentina e Portugal lideraram em número de alunos internacionais inscritos.

A plataforma também possibilita a celebração de Termo de Compromisso com o Ministério do Turismo pelo perfil de representante: gestor.turismo.gov.br/representante. O documento pode ser gerado e assinado eletronicamente por instituições públicas e privadas representativas do setor com interesse em cooperar para o sucesso da política de qualificação como diferencial de desenvolvimento do turismo e possibilitar a gestão da oferta do curso com o acesso aos dados específicos por região (quantidade de alunos cadastrados, em andamento e concluintes).

Dúvidas e informações adicionais podem ser respondidas pela central de atendimento: 0800 200 8484 e pea@turismo.gov.br.

 

Fonte: Vanessa Castro / www.turismo.gov.br


WhatsApp-Image-2019-10-12-at-7.07.50-PM-1-1280x960.jpeg

user12 de outubro de 2019
Funcionários da Prefeitura agindo no controle do fogo. Crédito da foto: Fernando Alonso

O feriado de 12 de outubro, Dia das Crianças e de Nossa Senhora Aparecida, aliado a um dia ensolarado,  seria perfeito para passear no Horto Florestal. No entanto turistas e avareenses se depararam com parte das trilhas da maior atração turística urbana da cidade ladeada por cinzas da mata queimada, ao que tudo indica, fruto de ação criminosa iniciada no final da tarde de sexta-feira, dia 11.

A fumaça intensa, cinzas no chão e troncos queimados. Foi assim que o visitante Guilherme José Silva, 29 anos da cidade de Tatuí encontrou durante sua caminhada. “Venho pra cidade visitar minha família e sempre passeio no Horto, mas hoje não consegui ficar muito tempo na trilha, o cheiro da fumaça estava insuportável”, explicou o visitante.

Cenário de cinzas e fumaça na Trilha do Horto. Crédito da foto: Fernando Alonso

Segundo informações publicadas em vídeo pelo oficial do Corpo de Bombeiros Alexandre Magno Monteiro, no Facebook, o fogo na mata tem indícios de ser criminoso. Em um dos vídeos ele lamenta o incidente: “Atenção povo de Avaré, que frequenta o Horto Florestal, infelizmente este tipo de incêndio ele é criminoso, não tem como no dia ensolarado haver aqui ponto de fagulha e de ignição, todos devem cuidar, isso aqui é patrimônio de todos nós”. Já no outro vídeo postado ele evidencia a criminalidade da queimada: “O que se verifica aqui é o o autor, ele caminhou entre a mata atirando fogo em diversos pontos onde acabou se espalhando”.

Fogo atingiu cerca de 2 mil metros de mata. Crédito da foto: Fernando Alonso

O fogo foi controlado através da ação do Corpo de Bombeiros e funcionários da Prefeitura Municipal de Avaré. No entanto por volta das 10 horas da manhã do dia 12 a reportagem do Turismo em Avaré esteve no local e presenciou funcionários da Prefeitura ainda contendo focos da queimada. A estimativa do Corpo de Bombeiros é que a queimada tenha atingido cerca de 2 mil metros quadrados de mata.

O Horto Florestal recebe milhares de visitantes por mês, além de servir de base para eventos esportivos e culturais. É a maior atração turística urbana da cidade e opção de lazer para grande parte dos avareenses.

Muita fumaça na trilha prejudicou o passeio de turistas e avareenses. Crédito da foto: Fernando Alonso

PREJUÍZO NA NATUREZA –  A ação criminosa no Horto Florestal pode ter mexido com o equilíbrio ambiental local que tem seu bioma classificado como Mata Atlântica. O portal do Instituto Florestal aponta diversas espécies da fauna que vivem na floresta atingida: capivara, serelepe, cachorro-do-mato, ouriço, tatu-galinha, quati, gato-do-mato, jacú e tucano. Entre a flora, são encontradas espécies de pau-jacaré, gorocaia, guaçatonga, figueira-mata-pau, copaiba, angico, pau-pólvora, juçara, guarantã, cedro-rosa, canjerana, além das espécies exóticas como eucalíptos e pinheiros.

Crédito da foto de capa: Fernando Alonso



Conheça

Seja Bem-Vindo!

A principal atração turística de Avaré é a represa de Jurumirim, formada pelo Rio Paranapanema, a 18 km da cidade. O local é território livre para a prática de windsurf, Jet skis, banana boat, caiaques, barcos e lanchas. É possível alugar embarcações nas marinas, passear de escuna ou fazer aulas de wakebord e stand´up. Ao redor da represa estão também hotéis de lazer, casas de veraneio e pousadas atraentes para casais, além do Camping Municipal.

Na área central, os principais atrativos são o Mirante do Cristo Redentor, o Santuário de Nossa Senhora das Dores, o Horto Florestal, artesanatos, entre outras atrações. Ao passar pela cidade, não deixe de provar nosso famoso doce de leite, iguaria muito tradicional de nosso município.


ENTRE EM CONTATO


Net @ - sites para internet